segunda-feira, 5 de julho de 2010

ITAITUBA: SETE OPERÁRIOS MORREM EM ACIDENTE EM FÁBRICA DE CIMENTO

A queda de uma passarela em uma empresa de cimento matou sete operários e deixou pelo menos 25 feridos, nesta segunda-feira, em Itaituba, no sudoeste paraense. A passarela, que era usada de passagem entre dois fornos, ficava a 30 metros de altura.

O acidente aconteceu a 32 quilômetros do centro da cidade, por volta das 14h. Os corpos foram levados para o necrotério e os feridos para o Hospital Municipal de Itaituba. A previsão é que apareçam mais corpos, já que o Corpo de Bombeiros ainda trabalha na remoção dos escombros.

A informação é do jornal Diário do Pará. A fonte não cita o nome da empresa, mas esta deve ser a Itaituba Indústria de Cimento do pará S/A, Itacimpasa, antiga Caima, empresa do grupo pernambucano João Santos, e que produz o cimento de marca Nassau.

O blog vai levantar mais dados sobre o acidente e atualizar a informação.

3 comentários:

mario de miranda disse...

Caro Piteira,

O acidente foi provocado pela falta de suporte do cimbramento da rampa do transportador do novo silo, que ruiu no momento de sua concretagem, lançando ao solo a equipe que estava trabalhando sobre a sua plataforma, de uma altura aproximada de 30 metros.Foi muito triste presenciar a agonia das vítimas e dos seus familiares. Nessa hora é que a gente percebe o quanto é deficiente o nosso sistema de saúde. Os casos mais graves tiveram que ser transportados de avião para serem atendidos nos hospitais de Santarém. É lamentável que a cidade de Itaituba, considerada como pólo da região sudoeste do Pará não tenha estrutura para atender essa necessidade.

Abraços,

Mário de Miranda

*GIU* disse...

essa passarela ela estava em construção para ser usada...
porém ela não era usada...!

*GIU* disse...

a passarela ela estava em construção para ser usada...!
porém ela ñ estava sendo usada!