quinta-feira, 2 de junho de 2011

BOTOS PARA A CURIOSIDADE




Os curiosos se juntam à beira do Mercado de Peixe de Santarém, no Oeste do Pará, e se divertem com as acrobacias de dezenas de botos na disputa para conseguirem se alimentar com peixes jogados a eles no rio Tapajós.

Na manhã de hoje, pelo menos cinco deles, todos da espécie tucuxi, fizeram o show aos curiosos. Mas também os cor de rosa são comuns, segundo os pescadores.

Os peixes são presos em fios, jogados ao rio e puxados diante dos botos, o que causa a disputa entre eles.

No Amazonas, terapeutas já usam os botos para tratamento de portadores de necessidades especiais, principalmente crianças e adolescentes com paralisia cerebral. Os resultados são admiráveis. Em Santarém, pelo menos por enquanto, os animais servem apenas para a curiosidade e a diversão dos locais.

2 comentários:

Geya Junqueira disse...

boa tarde e parabens pela postagem. Estou de passagem em Alter do Chao e gosteria ver este espetaculo. O senhor pode me dizer se ainda acontece e a que hora? Agradeço. Geya

José Maria Piteira disse...

Geya,

no mercado de peixe localizado na orla fluvial de Santarém, chamado de Tablado, próximo ao Mercdao 2000, essas imagens são cotidianas, especialmente nesta época de rio cheio.

Assim, ainda há tempo de ver os botos no local.

Boa sorte!